COMO VENDER UMA MENTIRA

jornais

“UM DOCUMENTARISTA REVELA OS BASTIDORES DO COMÉRCIO DE FOFOCAS QUE ALIMENTA OS TABLOIDES SENSACIONALISTAS NA INGLATERRA, ONDE ESCÂNDALOS VALEM OURO”

Época – Andres Vera

“A indústria da fofoca na Inglaterra adora a cabeça quente de Amy Winehouse. Um flagra da cantora, seja saindo de casa drogada seja socando em um fã num show, sempre ajudou a vender jornal. Quando não têm um escândalo para mostrar, os tabloides recorrem a informações pouco confiáveis. E as publicam do mesmo jeito.

Foi assim que personalidade inflamável da cantora apareceu na capa do Daily Mirror, em março: “O drama do fogo no cabelo de Amy Winehouse”. Segundo a reportagem, a cantora recebia amigos em casa quando a faísca de uma caixa de força incendiou sua longa cabeleira. A história correu o mundo. Mas era mentira.

O “informante” do jornal era Chris Atkins, um documentarista inglês que havia dedicado seus dois últimos anos a estudar os bastidores dos tabloides, oferecer histórias falsas de famosos para jornalistas – e gravar tudo com câmera escondida. O drama incendiário de Winehouse era uma armadilha. Chris Atkins provara a falta de credibilidade da imprensa sensacionalista. “Fiz isso para as pessoas rirem das notícias ridículas e lamentarem a falta de responsabilidade…” (Leia mais e comente a matéria)

Tags: , , , , , , , , ,

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: