Archive for 11 de abril de 2011

APOSTE NO VAPOR

11/04/2011

EXPERIMENTE UMA MANEIRA MAIS SAUDÁVEL DE PREPARAR OS ALIMENTOS E REDESCUBRA AS TEXTURAS, AS CORES E OS SABORES DO QUE VOCÊ PÕE NO PRATO. SEU PALADAR E SUA SAÚDE AGRADECEM!

Planeta Sustentável – Patricia Bernal

“Se a maestria de cozinhar fosse um jogo de tabuleiro no qual o vencedor do prato mais saudável seria aquele que fizesse boas escolhas na hora de cozinhá-los, qual seria sua primeira jogada? Fritura, cozimento em água ou ao vapor? Caso a ideia fosse preservar as características naturais dos alimentos como cor, textura e sabor, a terceira opção seria a tacada certeira. “Nesse tipo de preparo o tamanho, a forma e a composição nutricional dos alimentos pouco se alteram, pois não sofrem ganhos ou perdas de água como acontece em outras formas de cocção, como a fritura e a fervura”, diz a nutricionista Ellen Yonobi, da Nutrhouse Alimentos, de Curitiba. “Nos vegetais as cores se tornam mais vivas e o gosto natural é realçado”, afirma a chef Renata Vanzetto, do restaurante Marakuthai, em São Paulo.

Infelizmente, não é tudo que se pode beneficiar com essa forma de preparo. No caso das carnes, aposte apenas nos peixes ou frutos do mar. “Como as fibras desse tipo de carne possuem menos colágeno, elas se rompem mais facilmente, possibilitando um cozimento eficiente”, diz a nutricionista Laura Fantazzini, autora do livro Nutrição e Saúde (ed. Atual).

Outra grande vantagem desse método é a maior preservação dos nutrientes. “Apesar de mais demorado, preparações ao vapor não deixam escapar vitaminas e minerais sensíveis a altas temperaturas ou que são facilmente dissolvidas em água”, afirma Laura. Nessa fuga contra o fogo intenso e a “enxurrada” de água estão o potássio, presente em grande parte das verduras e dos legumes, as vitaminas do complexo B, encontradas em vegetais escuros como espinafre,…” (Leia e comente)

Anúncios

OS POLITICAMENTE CORRETOS

11/04/2011

CONHEÇA ALGUNS DOS ARTISTAS DO MUNDO DA MÚSICA QUE INVESTEM EM CAUSAS SOCIAIS E ECOLÓGICAS

Bravo

“Temas que antes pertenciam a discursos dos rotulados “bichos grilos”, como preocupação com o meio ambiente, questões sobre pobreza e educação, hoje estão cada vez mais presentes na fala dos artistas. Muitos músicos passaram a dividir a sua agenda entre shows e iniciativas sociais. Conheça algumas bandas que abraçaram esta causa.

Scorpions

Em agosto de 2007, o grupo alemão de hard rock Scorpions se apresentou para cerca de 40 mil fãs no sambódromo de Manaus, no Amazonas. Em parceria com o Greenpeace, organização global e independente que atua em defesa ao meio ambiente, a apresentação visava chamar a atenção do público para os perigos do desmatamento da Floresta Amazônica – no palco, os músicos exibiram uma faixa com os dizeres: “Chega de desmatamento! Sem Amazônia não há futuro”.

No ano seguinte, a banda voltou ao Brasil em uma turnê mundial dedicada a causa, Humanity World Tour – Acoustica. Resultado dos shows, o DVD Amazônia – Live in the Jungle, que conta com as apresentações de Recife e Manaus, teve sua venda, no Brasil e México, destinada a projetos ambientais.

Jack Johnson

Em 2008, o cantor havaiano de soft rock Jack Johnson e sua esposa, Kim, fundaram, com os frutos da turnê do mesmo ano, a Johnson Ohana, organização de caridade em prol de causas ambientais, artes e educação musical. Até o momento, a Fundação já arrecadou 1,3 milhões de dólares.

Mais tarde, Johnson criou também a All At Once, uma rede social de ação que integra e levanta fundos para grupos não lucrativos. No ano passado ela recebeu 525 mil dólares angariados na turnê To The Sea. A campanha de 2010 da rede contribuiu com 220 grupos comunitários ao redor do mundo destinado a iniciativas para redução de utilização de plástico, educação ambiental,…” (Leia e comente)