Posts Tagged ‘Felicidade’

SOBRE A AUTOSSABOTAGEM: POR QUE NOS BLOQUEAMOS PARA A REAL FELICIDADE?

24/11/2016

tumblr_lg88s43lk21qagxcoo1_500-jpgw584

Revista Você S/A por The School of Life

A AUTOSSABOTAGEM PODE NOS DEIXAR TRISTES, MAS PELO MENOS SEGURA E ABENÇOADAMENTE NO CONTROLE.

É normal esperar que sempre – e quase por natureza – corramos atrás de nossa própria felicidade, especialmente em duas grandes áreas de possível satisfação: relacionamentos e carreiras. Então, é estranho e um tanto enervante descobrir que alguns de nós frequentemente parecemos agir como se estivéssemos deliberadamente decididos a arruinar nossas chances de conseguir aquilo que, aparentemente, fomos convencidos a perseguir.
Ao sair para encontros com pretendentes que soam bons, podemos, repentinamente, começar a ter um comportamento… Continue lendo
Anúncios

FELICIDADE 100% NATURAL

10/08/2010

LIVRE DE ESTÍMULOS ARTIFICIAIS E DESMEDIDOS, TAIS COMO REMÉDIOS, COMIDA, FESTAS E COMPRAS, A ALEGRIA DE VIVER VOLTA A SER UM SENTIMENTO MORNO QUE AQUECE O PEITO E EMBALA A EXISTÊNCIA. MAS, PARA RESGATARMOS ESSE TESOURO, PRECISAMOS, ANTES, FAZER AS PAZES COM A TRISTEZA, INJUSTAMENTE ELEITA A GRANDE VILÃ DA ATUALIDADE.

Bons Fluídos – Raphaela de Campos Mello

“Se um dia um mago bater à sua porta e oferecer-lhe uma poção mágica que, uma vez dissolvida em água, lhe trará felicidade instantânea, desconfie. Melhor ainda, fuja na direção oposta. Assim, aumentará centenas de vezes as chances de encontrar a felicidade possível, aquela que se basta sem qualquer tipo de suporte artificial. Um sentimento discreto, quase singelo, que comporta alegrias e tristezas e mais se parece com uma chuva de confetes do que com uma apoteose de carnaval.

Claro que a possibilidade de uma figura típica dos contos de fada dos irmãos Grimm tocar a campainha da sua casa, em pleno século 21, é para lá de fantasiosa. No entanto, a essência de sua oferta é mais real e recorrente do que imaginamos. Nas últimas décadas, cada vez mais pessoas procuram soluções imediatas…” (Leia e comente)

(PRIMEIRO PASSO) AMOR COMPANHEIRO

27/05/2010

TOLERÂNCIA, AFETO, DIÁLOGO E SINCERIDADE. EIS OS INGREDIENTES QUE NÃO PODEM FALTAR PARA SE CONSTRUIR UMA RELAÇÃO DURADOURA E FELIZ.

Bons Fluídos – Melissa Diniz

“Todo mundo busca, mas pouca gente consegue encontrar um amor que supere o maior dos desafios, o tempo. Qual seria o segredo para um casal continuar junto apesar das mudanças de temperamento dela, da teimosia dele e das inúmeras divergências de uma vida toda? “Tolerância e bom humor”, afirma a psicanalista Lidia Aratangy, que trabalha há mais de 30 anos com terapia de casais, ela mesma casada há quase 50 anos. Em seu livro O Anel Que Tu Me Deste – O Casamento no Divã (Primavera Editorial), Lidia reforça o que é senso comum: “Cada casal deve

Tolerância, afeto, diálogo e sinceridade. Eis os ingredientes que não podem faltar para se construir uma relação duradoura e feliz. amor (primeiro passo) companheiro talhar sob medida o vínculo que vai uni-lo, munido de disposição, coragem e humildade, empreendendo as reformas e consertos necessários para que o traje continue a lhes cair bem e a vestir confortavelmente a ambos, adequando- se…” (Leia e comente)

IDADE E FELICIDADE

10/08/2009

velhinho

BBC Brasil

“Uma pesquisa americana concluiu que as pessoas ficam mais felizes quando envelhecem.
O estudo pediu que voluntários com idades entre 18 e 95 anos participassem de experimentos e mantivessem um diário sobre seu estado emocional.
A pesquisadora Laura Cartensen, da Universidade de Stanford, descobriu que as pessoas mais jovens ficavam de mau humor com maior frequência e por mais tempo que as mais velhas.
Além disso, os mais idosos lidaram melhor com críticas pessoais e conseguiram controlar e equilibrar melhor suas emoções.
O chefe de políticas públicas da organização britânica Age Concern, Andrew Harrop, disse que o estudo traz boas notícias.
“Para muitas pessoas, a velhice representa medo e preocupação. Muitos jovens assumem que envelhecer é um processo que inevitavelmente…” ” (Leia mais)

SER FELIZ CONTAGIA

25/05/2009

No site da Saúde é Vital, essa matéria chamou nossa atenção pela clareza com que o tema é colocado. (LA)

feliz

“A felicidade e o bem-estar dos seus amigos, e dos amigos deles, podem ter influência direta no seu humor, nos seus hábitos e na sua qualidade de vida.”

“Você já deve ter ouvido falar da teoria dos seis graus de separação. É aquela que nos coloca a uma distância de até meia dúzia de pessoas do resto do mundo. “ (Leia mais)

FELICIDADE EM BOA CONTA

13/05/2009

alegre

Por: Afonso Capelas Jr

Era uma vez um pequeno país que teve uma grande ideia: medir seu crescimento socioeconômico de acordo com indicadores do bem-estar individual de seus habitantes. Saiba como esse conceito inovador já está atraindo a atenção do mundo, incluindo o Brasil

Em certo dia do ano de 1986, no distante Butão – pequeno país encravado nas montanhas do Himalaia, onde atualmente vivem cerca de 700 mil habitantes, a maioria seguidora do budismo –, o rei Jigme Singye Wangchuck, de apenas 17 anos, questionado por um jornalista sobre a crise econômica que ameaçava seu reino, disparou: “Felicidade Interna Bruta [FIB] é mais importante que Produto Interno Bruto [PIB]”. O que – à primeira vista – poderia ser entendido apenas como uma frase de efeito de um nobre adolescente acabou por tornar-se a semente de um novo conceito para medir a saúde econômica e social de um país. “Naquele momento, nosso rei fez um importante alerta de como os indicadores do Produto Interno Bruto são frágeis”, observa o vice-presidente do Conselho Nacional do Butão, Dasho Karma Ura. “De fato, o mundo acumulou riquezas, mas não se pode dizer que estamos menos preocupados, tranquilos ou mais felizes.” (Leia mais)