Posts Tagged ‘Internet’

“O BRASILEIRO TEM UM CONSUMO MUITO REFINADO DE INTERNET”

07/12/2016

16022382

Galileu por Isabela Moreira

CONVERSAMOS COM MANUELA BAREM, EDITORA-CHEFE DO BUZZFEED BRASIL, SOBRE CONTEÚDO E O COMPORTAMENTO DOS USUÁRIOS BRASILEIROS NA INTERNET

Durante uma visita ao Brasil em 2013, o editor-chefe do BuzzFeed global, Ben Smith, disse à GALILEU que o país “é a terra nativa da internet” e que abrir uma operação do site aqui parecia natural.

Ele estava certo. Três anos depois, o esperado se concretizou e foi além dos memes e vídeos de gatinhos. Comandado pela editora-chefe Manuela Barem, a versão brasileira do BuzzFeed acrescenta cada vez mais membros à equipe. Em 2016, ganhou um novo escritório em São Paulo e criou uma editoria de notícias conduzida por um time de jornalistas experientes.

A GALILEU teve a oportunidade de conversar com Barem, que já passou por sites como Jezebel Brasil Youpix,… Continue lendo

Anúncios

A NETFLIX PODE SER UMA BOLHA – ASSISTA ANTES DE ELA ESTOURAR

06/11/2016

netflix-television

Super Interessante por Karin Hueck

OS SERVIÇOS DE STREAMING, QUE PRODUZEM ENTRETENIMENTO QUASE GRATUITO, PODEM ESTAR COM OS DIAS CONTADOS.

Se você – assim como nós aqui da redação – não tem uma vida social muito agitada, sabe que a Netflix vive lançando séries novas em seu catálogo. Boa parte delas são produções próprias: escritas, dirigidas e gravadas por eles mesmos, como os ótimos House of Cards, Narcos ou Stranger Things. Mas não é só a Netflix que produz seus seriados particulares: a HBO (com Game of Thrones e Westworld) e a Amazon (com Transparent e Mozart in the Jungle), por exemplo, também não ficam atrás, na esperança de cativar a nossa audiência e de nos tirar da frente de outros tipos de entretenimento gratuito, como o… Continue lendo

7 TRUQUES ESCONDIDOS DO WHATSAPP QUE VÃO FACILITAR A SUA VIDA

01/11/2016

20160719114600_96019477

PEGN

SAIBA COMO ENCONTRAR AS MENSAGENS E SER MENOS IMPORTUNADO NO APLICATIVO

Em mais de 1 bilhão de usuários, o WhatsApp é uma das ferramentas de comunicação mais utilizadas no mundo. Sua simplicidade permite que até quem não tem muita familiaridade com smartphones consiga utilizá-lo facilmente.

Por menos complexo que seja, o WhatsApp tem recursos que não são tão conhecidos… Continue lendo

CYBERBULLYING: UMA AMEAÇA DIGITAL

27/10/2016

cyber-bullying

Revista Galileu

COM A INTERNET, O BULLYING GANHOU FORÇA NO MUNDO VIRTUAL, MAS SUAS CONSEQUÊNCIAS AFETAM – E MUITO – A VIDA REAL. SAIBA COMO DENUNCIAR E ENTENDA QUAIS PRECAUÇÕES TOMAR PARA SE PROTEGER

Você recebe uma foto constrangedora de um colega e, sem pensar, compartilha com os amigos. Alguém faz uma piada com outro amigo no Facebook, e você não vê problema em curtir, comentar e repercutir. A “zoeira” não tem limites, né?

Por trás de brincadeiras aparentemente inocentes, pode haver um comportamento social perverso. Quando os envolvidos são jovens e crianças, o problema aumenta. As agressões podem trazer consequências irreversíveis para seu desenvolvimento e, em casos extremos, levar ao suicídio. Continue lendo…

BANDA LARGA NO BRASIL É CARA E RUIM; ENTENDA

13/05/2011

HÁ APENAS 5,8 CONEXÕES PARA CADA 100 BRASILEIROS; OPERADORAS COBRAM PREÇOS 24 VEZES
MAIS CAROS DO QUE NOS EUA

Galileu – Fausto Salvadori

Para 65,2% da população brasileira acima de dez anos, enviar um e-mail, teclar no MSN ou fazer uma pesquisa no Google são práticas tão distantes como passear de helicóptero ou dirigir uma Ferrari: 104,7 milhões de brasileiros não acessam a internet, segundo o IBGE. Isto é ruim? Na verdade, é péssimo: segundo a pesquisa Barômetro Cisco (pesquisa que mede a evolução da adoção das tecnologias de acesso à Internet em banda larga no País), existem apenas 5,8 conexões fixas de banda larga para cada 100 brasileiros (veja aqui lista de países mais conectados). A grande maioria ainda é obrigada a navegar aos trancos e barrancos da conexão discada, aquela que às vezes pega, às vezes não pega, que ocupa a linha do telefone e obriga o usuário a navegar de olho no relógio, já que é cobrada por hora.

“Se alguém me telefona, a net cai”, diz o operador de telemarketing Anderson Bonifácio Costa, 28 anos, um escravo da conexão discada. Para Anderson e outros moradores sem-banda de Moreno, na região metropolitana de Recife (PE), ações tão simples e essenciais como enviar uma declaração de Imposto de Renda parecem prova de resistência do Big Brother. “Nesse caso, ficamos à mercê das lan houses ou de amigos que têm banda larga”, afirma Anderson. O operador já tentou fugir da discada sem sucesso: segundo ele, a única operadora da cidade recusou-se a fornecer o serviço de banda larga, alegando que a instalação telefônica em seu bairro era muito antiga. “A banda larga não chega a muitos bairros, ou então o serviço é tão caro e de baixa qualidade que não vale a pena”, afirma um amigo…” (Leia e comente)

INTERNET COMO ESTÍMULO À CIDADANIA

21/01/2011

EM ENCONTRO NA CAMPUS PARTY, O NOBEL DA PAZ AL GORE E O PAI DA INTERNET, TIM BERNERS-LEE, ENFATIZARAM O PODER DA WEB PARA ESTIMULAR A CIDADANIA E “RESSUSCITAR” A DEMOCRACIA, SOBRETUDO SE OS GOVERNOS FOREM PRESSIONADOS A COLOCAR, DE FORMA TRANSPARENTE E GRATUITA, DADOS PÚBLICOS NA WEB

Planeta Sustentável – Débora Spitzcovsky

“Em meio a brincadeiras de ola com a platéia, o ex-vice presidente dos EUA e Nobel da Paz, Al Gore, e o pai da internet, Tim Berners-Lee, se encontraram na edição 2011 da Campus Party para chamar a atenção dos internautas para o poder virtual que temos nas mãos – ou melhor, nos teclados: o de reacender o sentimento de cidadania na população mundial e, assim, retomar o verdadeiro sentido da palavra democracia.

“Com o surgimento das primeiras tecnologias da comunicação, como o rádio e a TV, o mundo assistiu à diminuição do poder da democracia, porque os cidadãos foram reduzidos à condição de consumidores. Todos passaram a viver para comprar o que aparecia nas telas dos televisores, sem muita reflexão. Mas a invenção da web, há 20 anos, permitiu reascender a democracia: é um espaço no qual as pessoas podem se unir, questionar e trocar ideias e valores. Tudo isso desperta a vontade de nos tornarmos cidadãos ativos novamente”, disse Al Gore, que teve sua ideia reforçada por Tim Berners: “Informação é poder e uma informação difundida para o mundo de maneira tão rápida, como é hoje na web, é capaz de provocar uma verdadeira revolução pacífica”. (Leia e comente)

OS PRINCIPAIS SITES DE DESCONTO DO BRASIL

09/11/2010

Info – Julia Wiltgen

“Quem gosta de experimentar novos serviços, mas não está disposto a pagar caro por isso, sabe bem qual é a febre do momento na Internet. Os sites de compras coletivas com seus descontos de 50% a 90%, para serviços em estabelecimentos como restaurantes, bares, salões de beleza, clínicas de estética, teatros e locadoras.

As promoções são por tempo limitado, mas o desconto normalmente só vale caso a oferta alcance um número mínimo de interessados. Para manifestar interesse, o usuário precisa efetuar a compra de um cupom de desconto, que depois será trocado pelo serviço. Caso a promoção não se concretize por falta de quórum, o dinheiro é devolvido. O internauta pode acompanhar as ofertas da sua cidade se cadastrando para receber emails com as promoções.

Esse tipo de site ainda é novo – o primeiro nasceu em 2008 nos Estados Unidos – mas a moda realmente pegou no Brasil. Por aqui, o pioneiro começou a atuar em março deste ano, e hoje já são mais de 80 sites…” (Leia, comente e veja os links dos sites)

EVASÃO DE PRIVACIDADE

05/11/2010

Vida Simples – Luiz Alberto Marinho

“Lembro-me bem de um filme, estrelado pela Sharon Stone no auge da sua beleza, chamado Invasão de Privacidade. A atriz fazia o papel de uma moça que se mudava para um prédio onde várias mortes misteriosas aconteciam. No fim a gente descobre que todos os apartamentos eram monitorados por câmeras, que expunham a privacidade dos moradores para deleite do voyeur interpretado por William Baldwin.

Em 1993, quando o filme foi rodado, ainda não havia câmeras espalhadas pelas cidades e a questão da privacidade das pessoas ainda era relevante. Hoje isso tudo perdeu importância. Afinal, somos nós mesmos que fazemos questão de expor nossa intimidade, às vezes em tempo real, para muitos.

Um dos exemplos mais extremos dessa tendência aconteceu em julho, quando dois adolescentes de Porto Alegre, a menina com 14 e o garoto com 16 anos de idade, fizeram uma aposta que a moça perdeu. A punição foi exibir-se na frente de uma câmera para uma multidão de pessoas que acompanhou tudo pela internet. Quanto mais gente aparecia para ver a cena, transmitida ao vivo pelo computador do rapaz, mais ousada ficava a ação. Resultado – os jovens acabaram fazendo sexo na frente de mais de 20 mil pessoas…” (Leia e comente)

USAR :) EM E-MAIL AJUDA A CONSEGUIR EMPREGO? A CIÊNCIA RESPONDE

29/10/2010

Super Interessante – Thiago Perin

“Troca de e-mails com um chefe em potencial. Você quer parecer profissional, mas também quer ser simpático; quer transmitir segurança, mas não quer parecer um chato… E aí surge o ímpeto de enfiar um :) em algum lugar da mensagem. Sabe como é, só para dar um tom menos formal. Será que é uma boa ideia? Bem, depende. Quem diz é um grupo de pesquisadores das universidades da Carolina do Norte e de George Mason, ambas nos EUA, e de Otago, na Nova Zelândia, responsáveis pelo primeiro estudo “a examinar os efeitos do uso de emoticons em um contexto de candidatura a emprego” (na íntegra, aqui).

É sério! Eles fizeram uma série de testes para investigar como o uso de sorrisinhos pode ajudar ou prejudicar o primeiro contato com um talvez-futuro-chefe. E descobriram, em resumo, que os smileys podem, de fato, causar o efeito desejado na hora de transmitir simpatia, “algo particularmente importante para as mulheres, que costumam valorizar relacionamentos profissionais com maior nível de intimidade”. Soa bem, né? Mas, antes de sair distribuindo :) por aí, calma lá. “Candidatos que usam smileys são percebidos como menos competentes e mais fracos em atributos tipicamente masculinos, como independência e liderança”,…” (Leia e comente)

JEAN-CLAUDE CARRIÈRE: “O E-BOOK VAI DESAPARECER”

20/05/2010

ESCRITOR DIZ QUE O LIVRO ELETRÔNICO SERÁ SUBSTITUÍDO A PARTIR DO MOMENTO EM QUE OUTRA ENGENHOCA PUDER CONECTAR OS LEITORES COM TODAS AS BIBLIOTECAS DO MUNDO

Época

“ Dois escritores, amantes do livro e da leitura, encontram-se para registrar diálogos sobre o que será do objeto de seu afeto quando as novas tecnologias começarem a democratizar os livros eletrônicos. As conversas de Umberto Eco e Jean-Claude Carrière, organizadas por Jean-Philippe de Tonnac, transformam-se no livro “não contem com o fim do livro que está sendo lançado no Brasil pela Editora Record.

Além de escritor, Jean-Claude Carrière é dramaturgo e roteirista. Nasceu em 1931, trabalhou com Luis Buñuel, escreveu mais de 80 roteiros e é autor de mais de 30 livros. De Paris, Jean-Claude Carrière conversou com ÉPOCA sobre os diálogos com Umberto Eco, o livro, o futuro da leitura e a preservação da memória.

Época – De quem foi a ideia de fazer o livro e como ele foi realizado?
Jean-Claude Carrière
– Conheço Umberto há muito tempo. Temos mais ou menos a mesma idade. Já trabalhamos juntos em outro livro, há alguns anos. A idéia surgiu…” (Leia e comente)