Posts Tagged ‘PIB’

ANALISE DA SEMANA DE 12 DE SETEMBRO

14/09/2009

economia boa

O Brasil Que Dá Certo

“Agora é oficial a informação que demos semana passada que o Brasil cresceu 7,6% no segundo trimestre.

Taxa espetacular sem dúvida, e explica porque Henrique Meirelles, presidente do Banco Central, não  recomendou nova redução na taxa de juros, para 8,25%, conforme era esperado pelo Itaú.

Somente a Globo noticiou este crescimento de 7,6%, anualizado.

A maioria dos jornais se manteve aos 1,9% de crescimento no trimestre, seguindo a formula de somente anualizar dados negativos para baixo ( “queda do PIB de 6% nos Estados Unidos” ) mas não quando os dados são positivos e para cima…” (Leia mais e comente a matéria)

Anúncios

ESTA CRISE FOI EXCELENTE PARA O BRASIL

30/06/2009

dinheiro

Stephen Kanitz

“HÁ MALES QUE VÊM PARA O BEM. NO CÔMPUTO GERAL, ESTA
CRISE PODE TER ATRASADO O PIB EM 6 MESES, MAS COLOCOU
O BRASIL EM TERMOS DE IMAGEM MUNDIAL
UNS 5 ANOS NA FRENTE.”

”…O Brasil é uma proxi para a China. Quem investiu na China se arrepende: perdeu dinheiro, viu fábricas idênticas serem construídas ao lado. Mas o Brasil vai ser um enorme exportador para a China, que já suplantou os Estados Unidos como parceiro de exportação. Já que não dá para investir na China, vamos investir em países que exportam para China….” (Leia mais)

FELICIDADE EM BOA CONTA

13/05/2009

alegre

Por: Afonso Capelas Jr

Era uma vez um pequeno país que teve uma grande ideia: medir seu crescimento socioeconômico de acordo com indicadores do bem-estar individual de seus habitantes. Saiba como esse conceito inovador já está atraindo a atenção do mundo, incluindo o Brasil

Em certo dia do ano de 1986, no distante Butão – pequeno país encravado nas montanhas do Himalaia, onde atualmente vivem cerca de 700 mil habitantes, a maioria seguidora do budismo –, o rei Jigme Singye Wangchuck, de apenas 17 anos, questionado por um jornalista sobre a crise econômica que ameaçava seu reino, disparou: “Felicidade Interna Bruta [FIB] é mais importante que Produto Interno Bruto [PIB]”. O que – à primeira vista – poderia ser entendido apenas como uma frase de efeito de um nobre adolescente acabou por tornar-se a semente de um novo conceito para medir a saúde econômica e social de um país. “Naquele momento, nosso rei fez um importante alerta de como os indicadores do Produto Interno Bruto são frágeis”, observa o vice-presidente do Conselho Nacional do Butão, Dasho Karma Ura. “De fato, o mundo acumulou riquezas, mas não se pode dizer que estamos menos preocupados, tranquilos ou mais felizes.” (Leia mais)